Entrada e Permanência de Mulheres em Projeto Para Jovens: Um Caso de Cidadania Reclamada

Por: André da Silva Mello.

Motriz - v.15 - n.3 - 2009

Send to Kindle


Resumo

Neste artigo apresentamos e analisamos um caso singular de manifestação da cidadania reclamada no sentido de Stoer et al (2004), ocorrido no Projeto Esporte Cidadão, que fora concebido originalmente para a camada jovem da comunidade de Soteco, bairro proletário de Vila Velha, ES. Mostramos como as mulheres, mães e avós dos jovens que elas traziam para o projeto, negociaram sua entrada e consolidaram sua presença no espaço do projeto, cujo perfil alteraram, com atividades leves, relacionadas às suas características etárias (alongamento, hidroginástica e ginástica localizada). Através de depoimentos das líderes desse movimento e de respostas a entrevistas semi-estruturadas, constatamos que custo, qualidade dos equipamentos e conveniência de horário favoreceram a presença das mulheres de terceira idade, num projeto que fora desenhado para os jovens. Os resultados da análise privilegiam cuidados com a saúde e oportunidades de convivência. A taxa média de evasão, de 27 %, destaca razões como a temperatura da água da piscina, a dificuldade de cumprir a exigência do exame médico, questões de saúde pessoal e na família.

Endereço: http://www.periodicos.rc.biblioteca.unesp.br/index.php/motriz/article/view/2533/2474

Tags: ,

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.