Entre as Quatro Linhas: da Crônica Sobre o Futebol Ao Colunismo Esportivo ou da Profissionalização do Futebol e do Cronista

Por: Eugenio Ferreira Brauner.

2010 00/00/0000

Send to Kindle


Resumo

O presente trabalho discute o surgimento; o desenvolvimento e o fim da crônica esportiva. De início; a relação entre a crônica o futebol era às turras; já que o referido esporte era considerado uma coisa estrangeira; praticada pela alta sociedade. Com a entrada dos homens de letras no mundo da crônica esportiva; casos de José Lins do Rego e Nelson Rodrigues; a crônica passou a ter um papel fundamental na criação de um certo imaginário futebolístico; como a mística do Flamengo; a realeza de Pelé; a camisa canarinho e o complexo de vira-latas; por exemplo. Por fim; no momento em que a literatura abandona a crônica esportiva; fica a opinião e o vocabulário do especialista; do cronista esportivo que discute esquemas táticos e escalações. O literato é substituído pelo especialista em futebol; um analista; um ser racional para contrapor a passionalidade do torcedor. A crônica deixa a literatura para se tornar um simples colunismo.

Endereço: http://www.dominiopublico.gov.br/pesquisa/DetalheObraForm.do?select_action=&co_obra=196513

Ver Arquivo (PDF)

Tags:

Comentários


:-)





© 1996-2021 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.