Entre a Formação e a Ação: História Oral do Curso de Educação Física em Belém.

Por: Cândice Elizabeth Nery Silva Teixeira.

59ª Reunião Anual da SBPC

Send to Kindle


INTRODUÇÃO:

Os cursos de Educação Física no Brasil, em muito, são identificados com o fazer tecnicista e não com a prática pedagógica. Em Belém, o Curso de Educação Física da Universidade do Estado do Pará - UEPA, com fundação em plena ditadura militar e auge do esporte teve, em suas grades curriculares até 1999, supremacia da biologia e de disciplinas com aprofundamento das técnicas desportivas (exemplo: atletismo I e II, ginástica, natação I e II etc). Tendo o referido curso passado por uma reformulação curricular expressiva no campo das áreas humanas e por ter sido a formação de seus professores estreitamente vinculada às áreas biológica e esportiva, pretendeu-se, neste estudo, refletir a formação e a ação desses docentes e assim compreender as relações pedagógicas entre essa formação técnico-biológica e a ação mais humanizadora exigida pelo novo currículo.


 METODOLOGIA:

A metodologia utilizada foi a técnica da História Oral temática, por meio de entrevistas de seis docentes, entre especialistas, mestres e doutores, formados pelas grades curriculares de 1982 a 1999, no curso de Educação Física da UEPA. Este trabalho é resultado de uma pesquisa bibliográfica e de campo ocorridas entre os meses de abril e outubro de 2006.


 RESULTADOS:

Entre os resultados mais recorrentes da pesquisa têm-se: (i) o caráter extremamente técnico da formação; (ii) a reprodução no início da docência da prática pedagógica de seus professores da graduação; (iii) na formação, currículos muito ligados à prática militar; (iv) durante a formação dos docentes era dada ênfase às disciplinas práticas; (v) avanço da qualificação do corpo docente; (vi) as concepções de currículo são historicamente vinculadas ao mercado de trabalho; (vii) os docentes do curso não foram preparados para assumir o novo projeto curricular; (viii) o profissional de Educação Física é antes de tudo um professor.


 CONCLUSÕES:

Este estudo se faz relevante diante da importância que a formação humana tem adquirido na constituição do professor de Educação Física em suas diversas áreas de atuação profissional, na atualidade brasileira. Desta feita, o estudo da referida temática evidencia a necessidade de valorizar a memória desses docentes, possibilitando uma melhor compreensão das relações que se estabelecem entre a formação e a ação, entre o passado e o presente em qualquer formação acadêmica, ressaltando que a pesquisa não se esgota neste trabalho.

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.