Envelhecer é Viver

Por: .
Send to Kindle


Resumo

Um começo.

O envelhecimento é uma síntese de vida. O envelhecimento de uma pessoa é uma história única. Traz consigo a dialética das decisões tomadas num longo percurso que molda o corpo e o caráter. O envelhecimento de uma população é uma história coletiva. Traz consigo a dialética dos conflitos humanos, sociais, culturais econômicos e políticos. O envelhecimento da pessoa sempre foi uma questão pensada desde os filósofos gregos. Sempre foi trágica. Mas todas denunciavam ora as condições materiais em que as pessoas viviam, ora a perdas das capacidades físicas ou mentais. O envelhecimento de uma população é uma questão atual, é deste século XXI. Tragédia coletiva? Não. Conseqüência do avanço da medicina, das condições de vida urbana, das lutas contra as doenças, medicamentos preventivos, de outras tantas tecnologias que buscam tornar a vida mais longa e qualificada. Tecnologias essas que estão ao alcance dos povos porque seu conhecimento se tornou de domínio público e as condições para que tais tecnologias sejam desenvolvidas e produzidas também. Portanto, a humanidade já domina o conhecimento sobre longevidade ainda que nem todos os povos tenham acesso a ela. 

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.