Envelhecimento do Atleta: a Dinâmica Entre Perdas e Ganhos e Suas Aprendizagens na Prática do Esporte

Por: Sionara Tamanini de Almeida.

2008 12/03/2008

Send to Kindle


Resumo

A dissertação pretende investigar como atletas máster do sexo masculino, praticantes de corrida percebem e se adaptam às alterações do processo de envelhecimento ao longo dos anos de treinos e competições esportivas. Utilizando a abordagem da psicologia do desenvolvimento, 83 atletas foram avaliados (idades entre 45 e 78 anos) através do inventário Soc para verificar se este grupo de sujeitos utiliza as estratégias de planejamento de vida de seleção: eletiva (SE) ou baseada em perdas (SBP), otimização (O) e compensação (C) propostas por Baltes e Baltes (1990). Posteriormente, onze atletas (média de idade 59,91 ± 10,58 anos) que obtiveram score no inventário entre 9 e 12 pontos, ou seja, atletas com maior preferência ao uso das estratégias Soc, foram convidados a preencherem um questionário e a realizarem uma entrevista semi-estruturada, a fim de verificar como selecionam, otimizam e compensam as ações no esporte. Através dos dados provenientes da triagem dos atletas, o grupo se mostrou como utilitário e reagente ao modelo Soc (média de preferência de uso das estratégias 8,69 ± 1,86 pontos). Os dados provenientes das entrevistas demonstraram que os atletas utilizaram as estratégias para superar perdas/dificuldades e com isso permanecerem na prática da corrida ou melhorarem a performance esportiva — SE: não utilização do álcool na semana da prova; SBP: redefinição da estratégia de treinamento; O: treino de musculação; C: utilização de modalidades terapêuticas. Além disso, as aprendizagens advindas da prática esportiva foram uma estratégia adaptativa adicional que promoveu crescimento pessoal e no esporte.

Endereço: http://hdl.handle.net/10183/13530

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.