Equilíbrio Estático e Dinâmico em Idosos Praticantes de Atividades Aquáticas

Por: Debora Schwertner, Fabiane Gioda, e Mauren da Silva Salin.

XI Congresso de Educação Física e Ciências do Desporto dos Países de Língua Portuguesa

Send to Kindle


Resumo

Introdução: Quanto maior a diversidade de estímulos visuais, vestibulares
e somato- sensoriais maior a probabilidade do idoso manter e desenvolver
as suas capacidades físicas e mentais. O equilíbrio é um dos componentes
necessários para dar estabilidade ao corpo e permitir a livre movimentação
e independência. O déficit de equilíbrio no idoso traz o risco de quedas e
delas surgem incapacidades, limitações e medos de novos incidentes. O
estudo teve como objetivo verificar o equilíbrio estático e dinâmico de
idosos praticantes de hidroginástica e natação. Metodologia: O presente
estudo investigou o equilíbrio estático e dinâmico de participantes de grupos
de hidroginástica e natação do GETTI- CEFID- UDESC. A amostra foi
composta por 62 mulheres e 17 homens com média de idade de 66,9 anos
(DP= 6,6) praticantes de hidroginástica e natação do Grupo de Estudos
da Terceira Idade - GETI/CEFID-UDESC. Os testes utilizados foram:
agilidade e equilíbrio dinâmico (AGIL) da bateria da AAHPERD, que
consiste em percorrer um trajeto delimitado, onde é analisado o tempo
gasto (15 e 35 segundos é um tempo satisfatório), e o equilíbrio estático
onde é avaliado o tempo em que os idosos permanecem em apoio unipodal
(30 segundos tempo ideal). Os resultados encontrados em ambos os testes
foram satisfatórios. No equilíbrio dinâmico 43,03% dos idosos mantiveramse dentro do resultado pré-estabelecido e 55,69% deles o fez em um tempo
melhor que o índice superior desejado. No equilíbrio estático 62,02% dos
idosos apresentaram bom equilíbrio e 39,24% dos idosos permaneceram
em apoio unipodal tempo abaixo do ideal, porém bem próximos do score
mínimo para a idade. Conclusão: o equilíbrio é um elemento da aptidão
f í s i c a mu i t o imp o rt a n t e, q u e d eve s e r t rab a l h a d o c om o s i d o s o s,
principalmente na prevenção de quedas. As atividades aquáticas podem
contribuir na manutenção e melhoria do equilíbrio do idoso.

Endereço: http://citrus.uspnet.usp.br/eef/uploads/arquivo/62_Anais_p235.pdf

Tags:

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.