Equilíbrio Postural de Atletas Remadores

Por: Liliam Fernandes de Oliveira e Taian de Mello Martins Vieira.

Revista Brasileira de Medicina do Esporte - v.12 - n.3 - 2006

Send to Kindle


Resumo

A influência do condicionamento físico no equilíbrio postural por um período prolongado ainda não está esclarecida. O objetivo deste estudo foi comparar parâmetros estabilométricos em testes de longa duração entre atletas remadores e um grupo de indivíduos saudáveis, não-atletas, que permaneceram de pé sobre uma plataforma de força durante 31 minutos. A cada cinco minutos de teste era apresentada uma escala modificada de Borg para pontuar o nível de desconforto. Os parâmetros estudados foram: desvio-padrão, velocidade média e freqüência média dos deslocamentos lateral e ântero-posterior, e a área elíptica do deslocamento do centro de pressão no plano da plataforma. O grupo dos atletas não apresentou diferenças significativas nos parâmetros durante todo o teste. O grupo controle apresentou valores significativamente mais elevados na área elíptica e a velocidade média da metade do teste em diante. Os atletas apresentaram valores significativamente menores para escala de Borg, representando maior resistência ao desconforto gerado pela atividade. Com base nos resultados, sugere-se que as alterações estabilométricas apresentadas pelo grupo de não-atletas sejam decorrentes de processos fisiológicos periféricos e que o condicionamento físico parece ser um fator importante na manutenção do equilíbrio estático por período prolongado

Endereço: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1517-86922006000300005&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2021 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.