Send to Kindle


Resumo

A oferta de locais públicos para a prática de atividades físicas tem sido apontada como uma ferramenta valiosa para a diminuição nos níveis de sedentarismo. O presente estudo descreve as etapas de elaboração e testagem de uma escala de avaliaçãoda auto-percepção do ambiente em espaços urbanos para a prática de atividades físicas. O modelo sócio-ecológicode promoção de saúde, proposto por Stokols (1992), foi utilizado para construção da matriz teórica de análise.

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.