Esporte e Modernidade: Uma Análise Comparada da Experiência Esportiva no Rio de Janeiro e na Bahia nos Anos Finais Do

Por: .

167 páginas. 2011 21/12/2011

Send to Kindle


Resumo

Este estudo teve por objetivo analisar comparativamente a relação entre a construção de projetos de modernidade e a conformação do campo esportivo no Rio de Janeiro e em Salvador, no âmbito dos governos Pereira Passos (1902-1906) e J. J. Seabra (1912-1916), respectivamente. Estabeleceram-se as seguintes questões a investigar: como essas cidades mobilizaram o esporte nos seus projetos de intervenção? Qual o impacto da experiência esportiva nas duas cidades? A investigação justifica-se por se tratar de duas cidades, historicamente, importantes para o país, bem como pela ausência de estudos correlatos. A análise comparada é, pois, o aspecto mais original deste texto. Para o alcance do objetivo, como fontes para investigar o caso de Salvador, examinamos jornais de circulação diária, notadamente Diário de Notícias e A Tarde, além de: Jornal de Notícias, Diário da Bahia, Gazeta do Povo, Correio de Notícias e o Correio do Brasil, como também algumas revistas foram consultadas: Renascença, Revista do Brasil, Artes e Artistas e Semana Sportiva. Por entendermos que sobre o Rio de Janeiro já existe uma produção considerável acerca do tema, optamos por trabalhar com essas investigações já realizadas. Dessa forma, nossa proposta foi a de realizar uma análise comparada entre o que a literatura que trata o Rio de Janeiro apresenta e o que construímos a partir das fontes sobre Salvador. Como conclusão, identificamos que no Rio de Janeiro o campo esportivo desenvolveu-se em ampla relação com o processo de modernização, enquanto na Bahia essa relação foi menos significativa, implicando menor desenvolvimento esportivo. 

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2018 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.