Esporte e Espírito Romântico: o Caso do Golfe.

Por: Luciana Marins Nogueira Peil.

2006 24/03/2006

Send to Kindle


Resumo

Nos últimos anos o esporte recebeu uma dura crítica fundamentada na razão  instrumental derivada da Escola de Frankfurt. A Teoria Critica do Esporte coloca em xeque  o esporte e o ideal olímpico propagado através e para o esporte. Tecnicismo, rendimento,  corpo-máquina, instrumentalismo, consumismo e mercantilismo são alguns dos termos  chaves usados pela crítica. Dentro desta perspectiva, o Ser Humano está automatizado, desprovido de criatividade e a razão é a grande mentora de seus atos

Endereço: https://www.dropbox.com/s/owcz2av2kh7nd0z/UGF.00317.pdf

Ver Arquivo (PDF)

Tags:

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.