Esporte, Tecnologia e Inclusão Social: o Caso da Modalidade de Esgrima Adaptada Para Atletas Cadeirantes.

Por: Ricardo Moraes Pavani.

II Congresso Paraolímpico Brasileiro

Send to Kindle


Resumo

O presente projeto é ancorado no programa interdisciplinar de reabilitação e inclusão. O projeto visa à implementação de novos processos de inclusão através do esporte e especificamente para a modalidade de esgrima adaptada para atletas cadeirantes. Este projeto será desenvolvido junto com voluntários portadores de necessidades especiais (um grupo dos cadeirantes) indicados por associações específicas ligadas ao esporte e voluntários. O projeto envolve a pesquisa e construção final de um produto (fixador) testando sua capacidade de induzir junto a atletas a universalização do esporte de esgrima. No estudo todas as etapas físicas e sociais de implementação de uma concepção de uma pista auxiliar envolvendo dispositivos que permitam a fixação de uma cadeira através de atuadores hidráulicos ou pneumáticos. O acionamento da fixação é prevista ser realizada pelo próprio atleta, ou auxiliar (cadeirante ou não) ou pelo árbitro/mesário. Por fim, será realizado também um levantamento das dificuldades, das necessidades e possibilidades dos atletas portadores de necessidades especiais junto ao esporte de esgrima em âmbito internacional e elaboração de proposta de alteração da legislação relativa ao esporte para a utilização destes novos dispositivos.

Tags:

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.