Esportes Radicais: Lazer ou Necessidade?

Por: Armando Lemos, Diogo Burgos, Leandro Gomes e Leonardo Magalhães.

XI Congresso de Educação Física e Ciências do Desporto dos Países de Língua Portuguesa

Send to Kindle


Resumo

Introdução: Os denominados esportes radicais ou de aventura são modalidades
que ganham adeptos a cada dia. Seja pela emoção envolvida ou pela simples prática
de entretenimento, desafiar alturas, obstáculos ou outros desafios, o que,
possivelmente, leve o praticante a um sentimento de auto-superação. Objetivo: O
presente estudo teve por objetivo descrever as razões pelas quais os indivíduos
procuram a prática dos esportes radicais, especificamente nas modalidades asa delta
e parapente e verificar se há alguma relação de causa e efeito entre a prática das
modalidades e a emoção sentida nos momentos de treino e competição ou, ainda,
se a prática é realizada sem que haja um sentimento maior de satisfação por parte do
praticante. Metodologia: Os sujeitos 9 homens praticantes das modalidades em
estudo responderam um questionário em um ponto de decolagem. Resultados: A
faixa etária variou dos 16 aos 51 anos e os praticantes geralmente aderem a outros
tipos de esportes radicais (80%). Por motivos familiares, paixão ou pela simples
observação de outros praticantes aderem à prática desses esportes e sempre sem
apoio financeiro de qualquer espécie. A sensação vivida durante os treinos (liberdade
e adrenalina, segundo 90% dos entrevistados) não é a mesma durante as competições,
onde predomina um sentimento de responsabilidade (50%). Os momentos de
maior emoção durante a prática são no momento da decolagem (45%) e no meio
de uma térmica (55%). Conclusão: Não existe uma faixa etária predominante para
a prática de asa delta e parapente. A emoção vivida durante os treinos não é a
mesma de uma competição e o momento de maior emoção na prática ocorre
durante a decolagem e/ou no meio de uma térmica.

Endereço: http://citrus.uspnet.usp.br/eef/uploads/arquivo/78_Anais_p447.pdf

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.