Estado Cosmopolita, Organismos Internacionais e a Terceira Via: o Esporte Enquanto Política Social

Por: Carlos Eduardo de Souza.

Motrivivência - v.26 - n.42 - 2014

Send to Kindle


Resumo

O texto que se segue busca contribuir para uma melhor compreensão do papel dos Organismos Internacionais na (re) afirmação do atual “bloco histórico” e problematizar os fundamentos do “cosmopolitismo” defendido pela Terceira Via. Foram analisados dois documentos. O primeiro publicado pela UNESCO e o segundo pela ONU. Tais documentos atribuem à “cultura esportiva” a tarefa de corrigir as distorções sociais, organizar a sociedade civil tornando-a mais coesa, difundir uma cultura de paz e tolerância. Portanto, o esforço foi de apreender os principais objetivos e diretrizes contidos nesses documentos para a construção das atuais políticas públicas de esporte e a “nova” sociabilidade em curso.

Endereço: https://periodicos.ufsc.br/index.php/motrivivencia/article/view/2175-8042.2014v26n42p41

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.