Estado de Hidratação de Atletas Amadores Após Corridas de Média e Longa Distância

Por: Bruno Sérgio Portela, Daiane Broetto, Marcos Roberto Queiroga, Sandra Aires Ferreira e Timothy Gustavo Cavazzotto.

Brasília Médica - v.49 - n.1 - 2012

Send to Kindle


Resumo

Objetivo. Verificar o estado de hidratação e a taxa de sudorese de atletas amadores de corridas de 10 e de 21 quilômetros. Método. Participaram do estudo trinta atletas (dezenove homens e onze mulheres), que foram avaliados em três competições oficiais de corrida. Obtiveram-se medidas de massa corporal antes e imediatamente depois da prova. Para padronização das medidas, os atletas foram instruídos a eliminar água residual (urina) trinta minutos antes da competição e a restringir a ingestão de sólidos ou líquidos antes da coleta após a competição. Resultados. Houve diferença estatística em ambas as provas para a massa corporal (de 1,1% a 2,2% de redução). A taxa de sudorese exibiu valores elevados nas provas de 10 km (19,7 mL/min para homens e 12,1 mL/min) e 21 km (16,6 mL/min e 2,4 mL/min) correlatos a homens e mulheres respectivamente. Conclusão. Em ambas as competições, os atletas apresentaram estado desidratado com redução da massa corporal superior na prova de 21 km. Contudo, com base nas informações obtidas com a taxa de sudorese, a prova de dez quilômetros resultou em maior quantidade de líquidos perdidos por minuto.

Endereço: http://www.ambr.org.br/estado-de-hidratacao-de-atletas-amadores-apos-corridas-de-media-e-longa-distancia/

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.