Estado Nutricional das Crianças da Rede Pública Municipal de Ensino de Porto Alegre

Por: e Daniel Carlos Garlipp.

VII Congresso de Educação Física e Ciências do Desporto dos Países de Língua Portuguesa

Send to Kindle


Resumo

O presente trabalho faz parte de uma das áreas do Projeto Desporto (PRODESP), e tem por objetivo principal descrever o nível nutricional das crianças da rede municipal de ensino de Porto Alegre, bem como comparar os resultados obtidos com dados de outras populações. A amostra foi composta por 890 crianças de 6 a 15 anos, onde 489 são meninos e 401 são meninas. Como instrumento para avaliar a estatura foi utilizada uma fita métrica com precisão de 2mm, e para o peso utilizou-se uma balança portátil com precisão de 500g. O estudo é ex post-facto, com amostragem do tipo aleatória por conglomerados. Para a avaliação nutricional foi utilizado o software PED, que é um Sistema de Avaliação do Estado Nutricional em Pediatria. Para a estatística descritiva foi utilizado valores relativos em percentual. Nas análises inferenciais utilizou-se o teste do Qui-quadrado. Os resultados demonstraram que no sexo masculino, 49,3% são eutróficos, 13,3% desnutridos pregressos, 11,5% desnutridos atuais, 2,9% desnutridos crônicos, 14,5% com sobrepeso, 7,6% obesos, 1,0% de grande obesos. No sexo feminino, 41,9% são eutróficas, 9,2% desnutridas pregressas, 15,7% desnutridas atuais, 1,2% desnutridas crônicas, 17,2% com sobrepeso, 13,2% obesas e 1,5% de grande obesas. Existiu diferença estatisticamente significativa entre a curva observada e a esperada na categoria obesidade dentro do sexo feminino e, no sexo masculino na categoria dos eutróficos.

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.