Estilos Parentais e Motivações em Atletas Jovens de Futebol de Campo

Por: Edalvo Garcia Junior, , Marcus Vinícius Mizoguchi e William Fernando Garcia.

Pensar a Prática - v.16 - n.1 - 2013

Send to Kindle


Resumo

O objetivo do estudo foi analisar os estilos de suporte parental e suas relações com a motivação de atletas de futebol de campo. Foram sujeitos 71 atletas das categorias infantil e juvenil. Os instrumentos foram: questionário EMBU e Escala de motivação para o esporte. Para a análise foram utilizados a ANOVA de medidas repetidas, “U” de Mann-Whitney e Correlação de Spearman. Os resultados evidenciaram: o estilo de suporte emocional e a motivação intrínseca foram os mais evidenciados, houve relações entre o suporte emocional e a motivação intrínseca nas categorias infantil (r=0,41) e juvenil (r=0,51) e a rejeição com a desmotivação (r=0,58). Conclusão: o estilo de suporte emocional dos pais é essencial para a motivação intrínseca dos praticantes de futebol de campo.

Endereço: https://revistas.ufg.emnuvens.com.br/fef/issue/view/1278/showToc

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.