Estratégias de Ação Para o Ensino de Hábitos Saudáveis na Escola Por Futuros Professores de Educação Física

Por: L. Jacobassi, M. Gross, M. S. Cagliari e R. T. Iaochite.

IX Congresso Internacional de Educação Física e Motricidade Humana XV Simpósio Paulista de Educação Física

Send to Kindle


Resumo

Na formação docente em educação física, é essencial o contato do estudante com a escola. Atualmente, além do estágio supervisionado há o Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência (PIBID), desenvolvido com o intuito de antecipar o vínculo entre os futuros professores e as salas de aula na educação básica. Assim, este trabalho é parte do subprojeto PIBID desenvolvido pelos estudantes do curso de Educação Física da Unesp - Campus de Rio Claro, intitulado "As práticas de ensino em Educação Física para um estilo de vida saudável na escola". Os resultados de avaliações já realizadas com 250 escolares do Ensino Fundamental II revelam que esses se encontram acima do peso (7,6%) segundo o IMC, classificados como "moderadamente alto" na estimativa de gordura corporal relativa. Quanto aos hábitos alimentares, à maioria (51,8%) baseia sua alimentação na escola em alimentos ricos em açucares, e ainda, são considerados ativos. O presente estudo objetiva mapear a partir das condições já identificadas, estratégias de ação que poderão ser abordadas durante a intervenção na escola. Participaram deste estudo 10 bolsistas PIBID e dois professores supervisores formados em educação física, divididos em dois grupos-escola. Por meio de observações sistemáticas, reuniões formativas e uso de ambientes virtuais foram utilizados formulários (questionários) com questões específicas aos objetivos do estudo. Os dados foram agrupados a partir de categorias estabelecidas nos três eixos temáticos: alimentação saudável, prática regular de atividade física e sexualidade. Resultados apontam que a elaboração de um boletim informativo, formação de gruposescola envolvendo a comunidade escolar, uso de tecnologias digitais e o lúdico como facilitador das ações a serem realizadas poderão ser algumas ações abordadas durante a intervenção na escola. Nessa perspectiva o planejamento de atividades que ensine e desenvolva capacidades e habilidades autorregulatórias nos escolares assume-se como grande desafio deste projeto. É esperado que este estudo possa contribuir para a formação dos futuros professores de educação física no tocante ao desenvolvimento de conhecimentos que os permitam realizar o ensino de hábitos saudáveis na escola.

Endereço: http://www.periodicos.rc.biblioteca.unesp.br/index.php/motriz/article/view/10060/10060

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.