Estratégias Para Melhorar a Implementação de Políticas, Práticas ou Programas em Organizações Esportivas Visando Má Alimentação, Inatividade Física, Obesidade, Uso Abusivo de álcool ou Uso de Tabaco: Uma Revisão Sistemática.

Por: Tameka Mcfadyen.

Bmj Open - 2018

Send to Kindle


Resumo

Objetivos

O principal objetivo desta revisão é determinar a eficácia de estratégias para melhorar a implementação de políticas, práticas ou programas em organizações esportivas. Os objetivos secundários são descrever o custo ou custo-efetividade e efeitos adversos de tais estratégias e examinar os efeitos dessas estratégias de implementação na dieta individual, atividade física, obesidade, uso de álcool ou uso de tabaco.

Métodos
Realizamos pesquisas de bases de dados acadêmicas (por exemplo, MEDLINE, EMBASE e CENTRAL), registros de ensaios e pesquisas manuais de periódicos selecionados. Os estudos foram incluídos se fossem conduzidos em um local esportivo; descreveu uma estratégia para melhorar a implementação de políticas, práticas ou programas com foco em um ou mais riscos à saúde (dieta, sedentarismo, obesidade, uso de álcool ou tabaco) e incluiu um grupo de controle paralelo. Dois autores selecionaram independentemente as citações e extraíram os dados. Os resultados dos estudos incluídos foram sintetizados de forma narrativa.

Resultados
Das 5926 citações analisadas, três estudos preencheram os critérios de inclusão. Dois estudos foram randomizados controlados. Dois estudos procuraram melhorar a implementação de políticas e práticas relacionadas com a nutrição e um estudo procurou melhorar a implementação de políticas e práticas relacionadas com o álcool. Cada estudo relatou melhoria em pelo menos uma medida de implementação de políticas ou práticas. Dois estudos relataram resultados em nível individual e encontraram uma redução no consumo excessivo de álcool e um aumento na compra de frutas e vegetais no campo do clube de esportes. Dois estudos avaliaram a receita do clube como um potencial efeito adverso, e não relataram diferenças significativas entre os grupos sobre essas medidas.

Conclusão
Existe uma base de evidências esparsas em relação à eficácia das estratégias para melhorar a implementação de políticas, práticas ou programas direcionados aos fatores de risco de doenças crônicas em clubes esportivos. Embora todos os estudos tenham relatado algumas melhorias na implementação, para algumas estratégias de implementação multistratégica é difícil determinar até que ponto tais efeitos são generalizáveis. (Trad. Fabio Carvalho)

Endereço: https://bmjopen.bmj.com/content/8/9/e019151

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.