Estudo da Caracterização Equantificação do Esforço Físico (predominante) Realizado no Futebol. Carlos E. N. Amorim,

Por: Carlos E. N. Amorim, Fernando V. C. Machado e Paulo R. Oliveira.

VII Congresso de Educação Física e Ciências do Desporto dos Países de Língua Portuguesa

Send to Kindle


Resumo

Muitos fatores têm contribuído para a evolução do sistema de preparação do desportista. No aspecto físico, importante para o sucesso desportivo, vários estudos têm tentado mostrar a importância da caracterização do esforço físico realizado por futebolistas. A teoria do treinamento tem evoluído significativamente pelo enfoque da especificidade da preparação física. Esse trabalho visa contribuir com a elucidação de diferentes tipos de treinamento para futebolistas e sua adequação às diferentes posições. Foram realizadas filmagens (um atleta por jogo - em jogos da equipe de Juniores da A. A. Ponte Preta - Campinas/SP, durante o Campeonato Paulista/98) e, em seguida, quantificada a metragem total e parcial percorrida pelo atleta durante a partida, caracterizando os deslocamentos em baixa, média e alta intensidade. Isso sidades de deslocamento obtidas no jogo, multiplicado pela amplitude média da passada. Tal amplitude decorreu de medições obtidas em condições de treinamento para as mesmas tarefas competitivas. Os resultados médios indicaram: Zagueiros andam 3984m, trotam 2248m e correm em máxima velocidade 986m para frente, andam 511m e trotam 238m para trás, andam 37m e se deslocam em intensidade moderada 350m lateralmente, totalizando 8354m percorridos por partida. Meio-campistas andam 2076m, trotam 4359m e correm em máxima velocidade 1199m para frente, andam 221 m e trotam 129m para trás, andam 32m e se deslocam em intensidade moderada 241 m lateralmente, totalizando 8237m percorridos por partida. Atacantes andam 2276m, trotam 3174 m e correm em máxima velocidade 1476 m para frente, andam 212m e trotam 40m para trás, andam 26m e se deslocam em intensidade moderada 129m lateralmente, totalizando 7333m percorridos na partida. Finalmente concluiu-se que as distâncias corridas a máxima velocidade variam de 2 a 10m. Acredita-se que tais informações possa contribuir com a otimização da periodização e planificação do treino físico de equipes.

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.