Estudo Comparativo de Variáveis Bioperacionais Entre Atletas de Desportos de Diferentes Demandas.

Por: Anderson Pontes Morales, Luciano Honório Dias, Marcos Wellington Sales de Almeida, Nilo Terra Arêas Neto e Vernon Furtado da Silva.

Motriz - v.16 - n.3 - 2010

Send to Kindle


Resumo

Este estudo teve por função mensurar e comparar os escores de atletas de desportos de diferentes demandas, em variáveis bioperacionais. Para tanto, selecionou-se trinta (N=30) atletas do gênero masculino, com idade entre 13 e 16 anos, sendo 15 atletas de basquetebol e 15 velocistas do atletismo. As variáveis coordenação geral, percepção cinestésica e tempo de reação motriz foram mensuradas por meio de testes aplicados na seguinte ordem, teste de Burpee, teste de Salto Percepção Cinestésica e teste de Tempo de Reação Motriz. Os dados obtidos foram tratados e analisados no programa SSPS 10. Na versão descritiva utilizou-se os escores mínimos e máximos, as médias e desvios-padrão, na estatística inferêncial, o teste “t” student. O teste da hipótese do estudo teve como referência o valor de alfa p≤0,05. Os resultados apontaram o tempo de reação dos atletas de basquetebol como variável que obteve significância estatística na comparação entre grupos.

Endereço: http://www.periodicos.rc.biblioteca.unesp.br/index.php/motriz/article/view/1980-6574.2010v16n3p610

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.