Estudo Correlacional dos Valores do Teste de Potência Anaeróbia Absoluta com o Teste de Carga Máxima

Por: Cláudio Peixoto, , José C. Reis e Sônia Novaes.

VII Congresso de Educação Física e Ciências do Desporto dos Países de Língua Portuguesa

Send to Kindle


Resumo

O objetivo deste estudo é correlacionar os valores encontrados no teste de potência anaeróbia absoluta com os valores obtidos no teste de carga máxima para 1 repetição. A amostra foi composta por militares com idade média de 21 (1,5) anos, com tempo de serviço médio de 3,6 anos o que garantia homogeneidade a condição física. Para verificação da potência anaeróbia absoluta foi utilizado o Flegner Power Test que consiste na realização de 10 saltos consecutivos, buscando-se atingir a maior distância no menor tempo possível em melhor de 3 tentativas. Para verificação da força foi realizado no leg press 45° com anilhas de marca Cybex o teste de carga máxima de 1 repetição, em até 3 tentativas. Para a correlação funcional entre as variáveis estudadas foi utilizado o coeficiente r de Pearson onde pode se concluir a inexistência de relações funcionais significativa entre a potências previstas e alcançadas (r = a 0,10) e potências previstas e carga máxima (r = 0,12). Considerando um grau de liberdade (8-2) = 6, p < 0,05, r tab. > 0,7067. Por outro lado, obeservou-se correlação significativa entre a potência alcançada e carga máxima (r=0,81), p < 0,01.

Tags:

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.