Estudo Experimental de Grupo único com Avaliação Pré e Pós: Através da Prática do Alongamento na Extensão Universitária – Fef/unicamp

Por: , Gláucia Regina Falsarella, Marcy Garcya Ramos e Mauro Alexandre Páscoa.

Conexões - v.6 - n.1 - 2008

Send to Kindle


Resumo

Este trabalho abordou a atuação do alongamento como recurso modificador da aptidão física da flexibilidade e suas repercussões sobre a qualidade de vida após um período de 16 semanas. A população inicial envolvida no estudo foi constituída de 40 indivíduos e a amostra submetida às análises representaram 12 mulheres com faixa etária entre 22 e 42 anos de idade, envolvendo a participação da comunidade da Unicamp. Optou-se por desenvolver um estudo experimental, e como resultado observaram-se melhoras nas articulações de tronco e quadris, referentes aos aspectos da qualidade de vida, foram identificados escores expressivos para os domínios dor e aspectos sociais.

Endereço: http://fefnet178.fef.unicamp.br/ojs/index.php/fef/article/view/213

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.