Estudos da Psicologia Brasileira Sobre Atividade Física: Uma Revisão Integrativa

Por: Adriano Schlösser e Marco Antônio Voidaleski.

Lecturas: Educación Física y Deportes - v.24 - n.256 - 2019

Send to Kindle


Resumo

O presente estudo teve como objetivo identificar, através de uma revisão integrativa da literatura, publicações brasileiras orientadas à psicologia e atividade física. Foram selecionados os estudos realizados entre 2013 e 2018 no Brasil, utilizando os descritores "psicologia" e "atividade física" nas bases de dados SciELO, LILACS, BVS PSi, Index Psi e PePSIC. Foram selecionados 43 artigos, 9 teóricos e 34 empíricos, posteriormente classificados de acordo com o tema do estudo e o método utilizado em suas respectivas publicações. Na categoria temática, foram desenvolvidas as seguintes categorias: saúde, ciclo de vida e outras. Na categoria metodológica, os estudos foram divididos em: estudos empíricos e teóricos. Os resultados apontaram para um declínio nas publicações a partir de 2015; Também é problematizada a necessidade de analisar os aspectos psicológicos em relação à prática de atividade física nos tempos contemporâneos, bem como uma riqueza de perspectivas teóricas e metodológicas, que permitem verificar a importância do sujeito e sua aplicação em diferentes contextos. Contudo, também foi encontrada predominância entre estudos locais, principalmente estudos empíricos de tipo quantitativo e experimental, considerando a importância da atividade física para o bem-estar e a promoção da qualidade de vida da população em diferentes etapas do ciclo de vida. que permite verificar a importância do sujeito e sua aplicação em diferentes contextos. Contudo, também foi encontrada predominância entre estudos locais, principalmente estudos empíricos de tipo quantitativo e experimental, considerando a importância da atividade física para o bem-estar e a promoção da qualidade de vida da população em diferentes etapas do ciclo de vida. que permite verificar a importância do sujeito e sua aplicação em diferentes contextos. Contudo, também foi encontrada predominância entre estudos locais, principalmente estudos empíricos de tipo quantitativo e experimental, considerando a importância da atividade física para o bem-estar e a promoção da qualidade de vida da população em diferentes etapas do ciclo de vida.

Endereço: https://www.efdeportes.com/index.php/EFDeportes/article/view/1026

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.