Evidências Sobre Efeitos da Atividade Física no Controle Glicêmico: Importância da Adesão a Programas de Atenção em Diabetes

Por: Gisele Balbino Araujo Rodrigues, Guilherme Falcão Mendes, Jane Dullius, Júlia Aparecida Devidé Nogueira, Micheline Marie M. A. Meiners e Tulio Cesar de Lima Lins.

Revista Brasileira de Atividade Física & Saúde - v.18 - n.4 - 2013

Send to Kindle


Resumo

Diabetes Mellitus (DM) tipo 2 (DM2) é um problema de saúde pública que requer cuidados contínuos e multidisciplinares. A presente revisão tem por objetivo destacar a importância da inclusão de atividades físicas em programas de atenção em DM2, salientando seu efeito no controle glicêmico e aspectos que influenciam a adesão de usuários, bem como associar a temá- tica às atuais políticas públicas de atenção básica em saúde no Brasil. Artigos originais, revisões sistemáticas e de meta-análise que continham os termos DM2, adesão, exercício físico, atividade física e programa de educação em DM (em português e inglês) encontrados nos bancos de dados PubMed, Scopus e BioMed Central foram incluídos. Políticas públicas e diretrizes (gui- delines) também foram utilizadas para contextualização e discussão. Evidências indicam que a participação em programas de atenção à DM2 se associa a um melhor prognóstico da doença; indivíduos mais aderentes apresentam melhores resultados no controle glicêmico e redução da massa corporal que os menos aderentes. Fatores como supervisão profissional, envolvimento em grupos, apoio familiar, tipo de exercício e frequência de encontros podem influenciar direta- mente a adesão a esses programas. Educação em DM, atividades físicas e terapia nutricional são importantes no tratamento da DM2, porém, há escassez de programas públicos de saúde que, de forma multidisciplinar e contínua, contemplem estas ações terapêuticas.
 

Endereço: http://www.sbafs.org.br/revista/artigos.php?id_revista=74

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.