Exercícios com Pesos Para Pessoas Idosas: a Experiência do Celafiscs

Por: Vagner Raso.

Revista Brasileira de Ciência & Movimento - v.8 - n.2 - 2000

Send to Kindle


Resumo

Na última década, houve crescimento exponencial na literatura científica, referente ao emprego dos exercícios com pesos em programas de treinamento específicos para pessoas idosas. Em 1996, o Celafiscs iniciou um projeto de pesquisa, para estudar os efeitos de um programa de exercícios com pesos em pessoas idosas. Desde então, vários registros foram documentados, tanto em nível nacional, como internacional, destacando os principais resultados dessa intervenção. No primeiro momento, o objetivo foi verificar se um protocolo de treinamento de baixa intensidade, constituído de exercícios com pesos para ambas as extremidades corporais e para os grandes grupamentos musculares, produziam incrementos significativos na força muscular similares aos de protocolos de alta intensidade. Logo em seguida, foram observados os prováveis mecanismos que coordenam o aumento da força muscular em pessoas idosas e a influência da cessação do programa de treinamento sobre a força muscular adquirida. Também foi analisado o impacto do emprego dos exercícios com pesos sobre a composição corporal e na performance, para realizar as atividades da vida diária. Neste último caso, o uso de halteres, assim como de caneleiras, serviu como alternativa para pessoas que não eram capazes de realizar exercícios com maior sobrecarga. Mais recentemente, estuda-se a validade da percepção subjetiva de esforço como parâmetro para a prescrição e monitorização dos exercícios com pesos. UNITERMOS: capacidade funcional, envelhecimento, exercícios com pesos, força muscular e percepção subjetiva de esforço.

Tags:

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.