Experiência, Performance e Práticas de Aprendizagem: Temas Para Pensar o Lazer de Forma Não Fragmentada

Por: Ana Maria R. Gomes, e Patrícia C. Luce.

Licere - v.13 - n.2 - 2010

Send to Kindle


Resumo

Apresenta discussão que parte de três campos de estudos nos quais os  autores realizam pesquisas: Lazer, Educação e Antropologia. A partir de uma  perspectiva antropológica Pós-Social apresenta reflexão sobre o conceito de cultura e  sua importância para compreensão do fenômeno do Lazer. Enfoca três eixos conceituais  principais que constituem um campo teórico no qual seja possível dialogar para pensar o  Lazer de forma não fragmentada: os conceitos de experiência, performance e prática, a  partir das concepções dos seguintes autores: Victor Turner, Richard Schechner, Walter  Benjamin, Tim Ingold e Jean Lave. Entendemos significativo e oportuno acompanhar o  “desvio do olhar” proposto na antropologia de Victor Turner, ao buscar renovar as  abordagens sobre o lazer.

Endereço: http://www.anima.eefd.ufrj.br/licere/pdf/licereV13N02_ar3.pdf

Comentários


:-)





© 1996-2018 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.