Fatores Associados à Atividade Física em Adolescentes Estudantes do Período Noturno

Por: , e Fabio Luis Ceschini.

Revista Brasileira de Cineantropometria & Desempenho Humano - v.17 - n.2 - 2015

Send to Kindle


Resumo

O objetivo do estudo foi descrever os fatores associados à atividade física de adolescentes que frequentam aula no período noturno de escolas públicas e privadas em uma região da cidade de São Paulo. Foram selecionadas três escolas públicas e três escolas privadas que ofereciam as séries acadêmicas do ensino médio na zona norte da cidade de São Paulo. A amostra foi composta de 1.844 adolescentes com idades entre 15 e 20 anos. A atividade física foi avaliada pelo Questionário Internacional de Atividade Física. Os adolescentes classificados como ativos foram àqueles que cumpriram a recomendação de no mínimo 300 minutos semanais em atividades físicas. Coletaram-se informações sobre o uso de tabaco e ingestão de bebidas alcoólicas. Empregou-se a regressão logística (significância de p< 0,05). A prevalência geral de adolescentes que cumpriam a recomendação da atividade física (>300 minutos/semanais) foi de 36,1%, se associando às seguintes variáveis: A) rapazes mais jovens e com menor nível socioeconômico; B) adolescentes que estudavam em escolas privadas; C) não fazer uso de tabaco ou bebidas alcoólicas; D) não exercer atividades profissionais remuneradas e; E) frequentar a escola nos fins de semana para praticar atividades físicas. O nível de atividade física dos estudantes de escolas públicas e privadas parece sofrer influência do período que frequentam as aulas, sugerindo a implantação de mecanismos de incentivo que aumentem a participação em atividades físicas. A estrutura escolar e programas de intervenção poderiam contribuir para incrementar o nível de atividade física entre adolescentes.

Endereço: https://periodicos.ufsc.br/index.php/rbcdh/article/view/1980-0037.2015v17n2p205

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.