Fatores Geradores de Estresse Para Atletas da Categoria de Base do Futebol de Campo

Por: Birgit Keller, , Priscilla Bertoldo dos Santos e Ricardo Weigert Coelho.

Motriz - v.18 - n.2 - 2012

Send to Kindle


Resumo

O objetivo deste estudo foi verificar a intensidade e direcionalidade das situações geradoras de  estresse para atletas da categoria de base de futebol de campo em diferentes estágios maturacionais. Participaram 18 atletas, do sexo masculino, com idade média de 16,6 (± 0,5) anos. Para a coleta de dados  foi utilizado o Inventário dos Fatores de Stress no Futebol (ISF) e a avaliação do estágio maturacional através da idade esquelética. Os atletas foram divididos em dois grupos, maturação normal e precoce. Os  resultados dos índices de direcionalidade e intensidade da percepção dos fatores geradores de estresse  evidenciaram que não houve diferença significativa entre os grupos de diferentes níveis maturacionais.  Entretanto, entre os fatores geradores de estresse, foi verificada diferença significativa entre os grupos para  três fatores: “grande superioridade dos adversários”; “jogar com muito calor”; “pressão do técnico para  vencer”. 

Endereço: http://www.periodicos.rc.biblioteca.unesp.br/index.php/motriz/article/view/217

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.