Fatores Preditores dos Sinais e Sintomas do Burnout em Atletas Brasileiros Profissionais de Futsal

Por: Carlos Adelar Abaide Balbinotti, Juliano Lopes da Costa, Marcos Alencar Abaíde Balbinotti, Marcus Levi Lopes Barbosa, e Rafaela Bertoldi.

Revista Brasileira de Psicologia do Esporte - v.9 - n.2 - 2019

Send to Kindle


Resumo

O objetivo do estudo foi verificar se os fatores ‘idade’, ‘anos de atividade como atleta profissional’, ‘número de lesões no último ano’, ‘percepção de que treina de mais’, ‘vontade de treinar menos e a escolaridade’, são capazes de prever de forma significativa os escores das dimensões do “Inventário de Sinais e Sintomas do Burnout em Atletas” (ISSBA-24). A amostra foi composta de 130 atletas brasileiros profissionais de futsal, do sexo masculino, com idades entre 18 a 36 anos, os quais responderam ao “Inventário de Sinais e Sintomas do Burnout em Atletas” (ISSBA-24). Os resultados das regressões lineares indicam que dos seis fatores preditores do Burnout, quatro (‘idade’, ‘anos de atividade como atleta profissional’, ‘número de lesões no último ano’ e a ‘vontade de treinar menos’) contribuem significativamente (p<0,05) para explicar os sinais e sintomas do Burnout em atletas brasileiros profissionais de futsal.

Endereço: https://portalrevistas.ucb.br/index.php/RBPE/article/view/10115

Tags:

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.