Fidedignidade do Questionário Puberal Simplificado de Cameron

Por: Dalmo Roberto Lopes Machado, Enrico Fuini Puggina, , Hugo Tourinho Filho, e Valdir José Barbanti.

Revista Brasileira de Ciência & Movimento - v.20 - n.2 - 2012

Send to Kindle


Resumo

No campo biológico, a exatidão matemática não se aplica. Entretanto a utilização de recursos psicométricos na seleção de instrumentos tentam minimizar erros de medidas e interpretações equivocadas das respostas biológicas. Durante a adolescência ocorrem rápidas e variadas alterações, com efeitos marcantes no campo morfológico, motor e funcional, explicados em parte pela maturação. Mas essa medida precisa ser prática, fácil e de forma não invasiva. A proposta do questionário puberal simplificado de Cameron parece uma alternativa que atende a esses pressupostos básicos. Na literatura pesquisas que demonstrem autenticidade ou veracidade deste instrumento são quase inexistentes, assim o objetivo do estudo foi verificar a fidedignidade e consistência interna das questões do questionário puberal simplificado proposto por Cameron. Uma amostra composta de 43 sujeitos de ambos os sexos (16 rapazes e 27 moças) com idade entre 10 e 18 anos respondeu ao questionário. Duas aplicações foram feitas com um intervalo de uma semana. A fidedignidade foi estimada pelo coeficiente alfa de Cronbach e a consistência interna de cada questão foi calculada pelo coeficiente Kappa. O nível de fidedignidade resultou na classificação considerada "muito alta" (0,97) entre as duas aplicações do questionário, além de boa consistência interna (0,59 a 1,00) para cada pergunta do questionário. Os resultados foram semelhantes para os sexos e idades dos sujeitos envolvidos. Desta forma, o questionário proposto por Cameron mostrou ser um instrumento fidedigno para classificação maturacional, considerando os altos níveis observados. Seu uso é recomendado como um método não invasivo, para avaliação e classificação de maturidade sexual em indivíduos jovens de ambos os sexos.

Endereço: http://portalrevistas.ucb.br/index.php/RBCM/article/view/3161

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.