Finanças Esportivas Públicas: Uma Análise do Esporte no Reino Unido

Por: Alexander Walters, Alexandra Smith, Carlos Eugenio Zardini Filho e Stratos Chiotis.

Lecturas en Educación Física y Deportes - v.23 - n.240 - 2018

Send to Kindle


Resumo

Durante muito tempo, as organizações públicas foram pressionadas sobre como administram seus recursos financeiros e os respectivos benefícios para a população. No ambiente esportivo, não apenas a boa gestão financeira é a chave para qualquer programa esportivo de sucesso, mas também a maneira como os fundos são gerenciados e as soluções para problemas orçamentários podem ser vistas como os aspectos mais importantes da administração financeira. Nesse sentido, este trabalho tem como objetivo analisar uma organização esportiva pública em sua situação e benefício financeiro. A análise foi baseada em 3 anos consecutivos (2 exercícios fiscais), nos quais as diferentes fontes de receita, sua evolução são discutidas primeiro e, em seguida, o benefício financeiro é apresentado. A instituição escolhida foi a British UK Sport, que, por meio do Programa de Classe Mundial (WCP), invista a renda da Loteria Nacional e do Tesouro no esporte olímpico e paralímpico. De acordo com os números encontrados e as tendências percebidas, o UK Sport deve melhorar alguns pontos estratégicos importantes e manter o mesmo benefício financeiro em outros. De fato, levando em consideração os últimos 15 exercícios, os dados não mostraram uma tendência de investimento do DCMS (Departamento de Cultura, Mídia e Esporte) e da Loteria, nem aumentaram ou diminuíram. No entanto, foi possível observar que os Jogos de Londres de 2012 colocaram o número absoluto em um nível superior, o que com a recente dependência crescente do fundo da loteria criou um cenário melhor para o UK Sport, não tão afetado por decisões políticas. De fato, Resultados operacionais positivos recentes foram alcançados graças ao apoio adicional da loteria. Por outro lado, mesmo com um departamento comercial criado em 2011, o UK Sport não conseguiu aumentar o nível de outras receitas (por exemplo: patrocinadores), que sem dúvida eram necessárias para mudar, para evitar incertezas sobre o DCMS e a loteria. Como possível objetivo futuro, a organização poderia buscar recursos privados para cobrir parte dos custos com pessoal, previsíveis e estáveis ​​nos últimos anos.

Endereço: https://www.efdeportes.com/index.php/EFDeportes/article/view/55

Tags:

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.