Fisiologia do Exercício Para Alunos de Graduação: Uso de Estratégias de Ensino Baseadas na Metodologia Dialética

Por: Christiano Robles Rodrigues Alves, , Iris Callado Sanches, José Bianco Nascimento Moreira, Juliane Cruz Campos, e Thaís Simões Nobre.

Revista Brasileira de Educação Física e Esporte - v.27 - n.2 - 2013

Send to Kindle


Resumo

A metodologia dialética propõe um ensino de dupla mão (professor-aluno) que provoque a aprendizagem por meio de tarefas contínuas dos sujeitos. Para isso, o professor assume o papel de mediador e dirige as diferentes atividades. Nesse contexto, a Fisiologia do Exercício é uma disciplina academicamente orientada que está inserida em um ambiente dinâmico, e a utilização de estratégias de ensino se faz necessária para otimizar a apropriação do conhecimento de forma ativa, além de contribuir para a maior autonomia dos estudantes universitários. Portanto, o objetivo do presente estudo foi o de utilizar diferentes estratégias de ensinagem por meio de atividades propostas aos alunos na disciplina de Fisiologia da Atividade Motora I da Escola de Educação Física e Esporte da Universidade de São Paulo e correlacionar o desempenho do aluno com a sua participação nessas atividades propostas. Nossos principais achados demonstram correlações significativas e positivas entre a presença nas aulas e o desempenho nas avaliações (p < 0,0001; r = 0,84), bem como entre a realização das atividades propostas e o desempenho nas avaliações (p < 0,0001; r = 0,69). Em conjunto, esses dados sugerem que a utilização de diferentes estratégias de ensinagem baseadas na metodologia dialética com a ativa participação dos alunos é essencial para um bom rendimento acadêmico, sendo altamente recomendada para o ensino da Fisiologia do Exercício.

Palavras-chave: Esporte;Educação física;Ensino

Endereço: http://www.revistas.usp.br/rbefe/article/view/58568

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.