Fontes Históricas de Escolas-classe de Brasília, da Década de 1960: Análise de Práticas Corporais Escolares

Por: Ingrid Dittrich Wiggers e Thaís Reis.

XVIII Congresso Brasileiro de Ciências do Esporte e V Conice - CONBRACE

Send to Kindle


Resumo

A pesquisa de caráter histórico e descritivo aborda a caracterização das práticas educativas das escolas-classe da primeira unidade de vizinhança de Brasília, com enfoque nas práticas corporais. Com o intuito de enriquecer o acervo para futuro Museu da Educação de Brasília e visando proporcionar maior conscientização da educação brasileira como patrimônio da humanidade, o objetivo do estudo foi analisar as práticas corporais na década de 60, nas escolas-classe 106, 107, 108 e 308 Sul, que formam a 1a unidade de vizinhança de Brasília. Por meio de fontes iconográficas e documentos oficiais, resgatados nas próprias escolas-classe, no Arquivo Público do Distrito Federal e no Instituto Histórico e Geográfico de Brasília e com o auxílio de artigos e livros relacionados ao tema, foi possível fazer uma caracterização através da interpretação e análise das imagens de como era a educação do corpo, a importância do lazer e esporte nos anos iniciais da nova capital e sua relação com o plano educacional proposto por Anísio Teixeira.

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.