Força Isométrica de Preensão da Mão: Metodologia e Implicações Fisiológicas

Por: .

1998 27/03/1998

Send to Kindle


Resumo

O propósito deste estudo foi explorar as possibilidadesde futuras aplicações das curvas força-tempo nos testes de preensão isométrica da mão. Uma análise qualitativa da força total e das forças individuais dos dedos e das relações com alguns fatores fisiológicos, tais como fadiga e frequência cardíaca, são relatadas. É descrito o desenvolvimento de um instrumento controlado por microcomputador, o qual possibilita a identificação das forças dos dedos simultaneamente, durante apreensão exercida numa empunhadura anatõmica. Esta última, acoplada a dispositivos hidráulicos instrumentados com sensores de pressão, viabiliza a medição da força. Num primeiro momento, participaram 100 sujeitos normais que realizaram o teste de preensão com o dinamõmetro Jamar para efeitos de comparação. No laboratório, quatro voluntários foram avaliados tendo estimulação visual e verbal durante o esforço. Antes dos testes, foram submetidos a exercícios de aquecimento. Durante as medições, o eletrocardiograma foi registrado. Os testes foram executados em contrações voluntárias máximas, com a mão dominante. Foi observado o decréscimo da força ao longo do teste (fadiga), o aumento da frequência cardíaca em um sujeito, e as contribuições dos dedos. Para todos os voluntários os dedos indicador e médio apresentaram uma parcela de contribuição maior. Emalguns casos não se verificou a ação do dedo mínimo. Os procedimentos acima relatados estabelecem a base para uma metodologia que auxilie o terapeuta na avaliação da severidade de uma patologia, como também o acompanhamento da recuperação de um paciente após um tratamento. A metodologia seria útil também na pesquisa sobre estimulação elétrica neuromuscular em indivíduos tetraplégicos e na avaliação e diagnóstico das doenças ocupacionais 

Endereço: http://www.bibliotecadigital.unicamp.br/document/?code=vtls000129372

Ver Arquivo (PDF)

Tags:

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.