Força Propulsiva Efetiva Durante Um Palmateio de Sustentação - Um Estudo de Caso

Por: Flávio Antônio de Souza Castro, Jefferson Fagundes Loss, Lara Elena Gomes, Ricardo Peterson Silveira e Victor Wigner Tremea.

Revista Mackenzie de Educação Física e Esporte - v.10 - n.1 - 2011

Send to Kindle


Resumo

A análise da força propulsiva efetiva em cada fase do palmateio pode ajudar na melhora da técnica desse gesto. Dessa forma, o objetivo deste estudo foi descrever o comportamento da força propulsiva efetiva gerada por um palmateio de sustentação (na posição vertical de cabeça para cima) em cada fase desse gesto. Para isso, a um nadador foi solicitado que realizasse palmateio durante sete segundos, enquanto sistemas de videogrametria e dinamometria registravam dados cinemáticos e cinéticos do gesto, respectivamente. Analisaram-se três ciclos de palmateio, e cada ciclo foi dividido em quatro fases (in-sweep, transição do in-sweep para o out-sweep, out-sweep, transição do out-sweep para o in-sweep). Coeficientes de variação mostraram uma diferente variação da força propulsiva efetiva entre as fases do palmateio, porém o valor da força foi quase constante ao longo das fases (em torno de 9,5 N), uma vez que pequenos desvios padrão e coeficientes de variação foram encontrados.

Endereço: http://editorarevistas.mackenzie.br/index.php/remef/article/view/3624

Tags:

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.