Formação de Professores e Professoras de Educação Física no Brasil e o Embate de Projetos no Campo de Conhecimento da Saúde : Contribuições da Teoria Pedagógica Histórico-crítica /

Por: .

235 páginas. 2017 13/12/2017

Send to Kindle


Resumo

Esta tese compõe o conjunto de estudos realizados na Universidade Federal da Bahia, a partir do Programa de Pós-Graduação em Educação, Linha de Pesquisa Educação, Cultura Corporal e Lazer. Insere-se especificamente nos estudos realizados pelo Grupo de Estudo e Pesquisa em Educação Física, Esporte e Lazer (LEPEL/PPGE/FACED/UFBA) e responde a perguntas científicas relacionadas à pesquisa matricial sobre “Problemáticas significativas do Trabalho Pedagógico, da Produção do Conhecimento, das Políticas Públicas e da Formação de Professores de Educação Física e Esporte”. Tem como objeto de estudo o trato com o conhecimento na formação de Professores de Educação Física. Delimita como pergunta de investigação quais as contribuições da Psicologia Histórico-Cultural, da Pedagogia HistóricoCrítica e, da Abordagem Crítico-Superadora do Ensino da Educação Física para enfrentar as contradições presentes no currículo de formação de professores referentes à negação do conhecimento e, o trato com o conhecimento a partir de abordagens biologicistas, naturalistas, mecanicistas, que fragmentam corpo-mente e teoria-prática. A hipótese tratou do enfrentamento do projeto de formação de professores que defende a divisão dos cursos de Educação Física, dando ênfase à questão da saúde, a partir das possíveis contribuições de um conjunto teórico baseado na referência marxista e, da experiência pedagógica no ensino da Biomecânica Aplicada à Educação Física, conteúdo do eixo dos Fundamentos, da área da Saúde relacionado com o Eixo do Conteúdo Específico da Cultura Corporal do Curso de Licenciatura em Educação Física, de caráter ampliado, da Faculdade de Educação da Universidade Federal da Bahia. Os dados levantados e sistematizados foram coletados: (a) na bibliografia sobre os pressupostos teóricos; (b) na legislação, nos bancos de dados do MEC e, em dissertações e teses; (c) in locus, na experiência pedagógica desenvolvida no ensino da disciplina Biomecânica Aplicada à Educação Física na FACED/UFBA. Os procedimentos de investigação foram: análises de conteúdo; descrição densa em relatórios de campo; e elaboração de sínteses estabelecendo nexos e relações que permitiram a conclusão da tese. A tese apresenta como pressupostos, epistemológico a teoria do conhecimento Materialista Histórico Dialético, do desenvolvimento humano a Teoria Histórico Cultural, pedagógico a Teoria Pedagogia Histórico-Crítica e, no ensino da Educação Física, a Abordagem CríticoSuperadora. O objetivo diz respeito às contribuições dos pressupostos teóricos no trato com o conhecimento, em especial da área da saúde, no currículo de formação de professores de Educação Física, na perspectiva da superação de contradições e, de contribuições para consolidar uma consistente formação teórica, fundamentada na teoria do conhecimento do Materialismo Histórico Dialético. Conclui-se, apresentando, a partir dos pressupostos de referência marxista, elementos teórico-práticos, em que destacamos os sistemas de complexos, no trato com o conhecimento, no currículo de formação de professores de Educação Física, no marco de um curso único, de licenciatura ampliada.

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.