Formação de Professores de Educação Física na Modalidade de Educação a Distância: Experiências Docentes no Estágio Supervisionado

Por: .

207 páginas. 2011 20/06/2011

Send to Kindle


Resumo

A formação de professores vem atravessando grandes mudanças nos últimos anos. O advento das Diretrizes Curriculares Nacionais para a Formação de Professores da Educação Básica (Resolução CNE/CP 01- 2002) e para os cursos de Graduação em Educação Física (Resolução CNE/CES 07-2004) provocou um amplo movimento de debate curricular na área. A expansão dos cursos de Formação de Professores a Distância, com a criação da Universidade Aberta do Brasil (UAB) traz novos elementos para o cenário acadêmico. Consideramos que se encontra em aberto nesta discussão o tema da transposição de um conhecimento formal, construído em situação não-presencial, em conhecimento tácito, aplicado na realidade concreta da prática pedagógica do componente curricular Educação Física, no cotidiano escolar. O tornar-se professor exige certas rotinas e uma dessas trata da constante tensão que existe entre a cultura escolar e a ação do professorado. Neste caso, vislumbramos a possibilidade de observar como se dá este contato a partir do estágio supervisionado e como os acadêmicos ressignificam o que foi apreendido durante o curso, aliado às suas biografias para se posicionarem na cultura escolar e a partir daí pensarem sua prática pedagógica. Neste sentido, investigamos como alunos-estagiários interpretam suas experiências docentes ocorridas no estágio supervisionado, tendo em vista a formação acadêmica no curso de licenciatura em Educação Física, modalidade a distância (EAD), oferecida pela Universidade de Brasília (UnB), tendo como locus de investigação o Polo de Apoio Presencial do município de Piritiba/BA. Levamos em consideração a observação dos subsídios teórico- metodológicos desenvolvidos no curso; a elaboração e avaliação dos planejamentos de ensino no estágio; e como se dá a imersão dos alunos na cultura escolar nesta fase da formação docente. Para tanto, construímos uma pesquisa do tipo de múltiplos casos a partir da descrição interpretativa dos planos de aula e relatos feitos por 04 (quatro) acadêmicos do curso em questão, cujo critério de inclusão dos sujeitos da pesquisa foi a ausência de experiências docentes anteriores no âmbito da Educação Física. Também foram coletados depoimentos dos sujeitos da pesquisa através de entrevistas. A discussão dos dados foi organizada a partir de elementos teórico-metodológicos sugeridos pela técnica de análise de conteúdo, com variações a partir da análise temática. A discussão dos registros de campo dá-se através de 04 (quatro) eixos: biografia dos sujeitos-casos, habilidades requeridas na formação, a experiência docente e impressões gerais sobre o estágio. Como considerações finais, apontamos que: a) há uma predominância da perspectiva desenvolvimentista nas práticas pedagógicas desenvolvidas pelos acadêmicos; b) houve uma dificuldade dos alunos em terem acesso aos Projetos Políticos Pedagógicos, proporcionando assim uma integração precária destes junto às escolas; c) foi destacada a deficiência de supervisão por parte da instituição que oferece o curso e do polo de apoio presencial, o que torna mais complexa a atuação docente dos estagiários. 

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.