Formação Profissional e Reforma do Ensino Técnico no Brasil: Anos 90

Por: Celso João Ferretti.

Educação e Sociedade - v.18 - n.59 - 1997

Send to Kindle


Resumo

Resumo: Admitindo, como ponto de partida, que os fenômenos da globalização da economia e das transformações técnico-organizacionais no trabalho desencadeiam desafios e problemas a serem enfrentados no âmbito da educação em geral e da formação profissional em particular, o texto se propõe examinar em que consistem esses desafios e problemas, enfocando-os, primeiramente, da perspectiva da experiência internacional e, num segundo momento, nos marcos da sociedade brasileira. Com relação ao segundo aspecto, são analisadas, criticamente, proposições recentes de órgãos governamentais (Ministério da Educação e Ministério do Trabalho), tendo em vista o desenvolvimento do que se denominou de educação profissional. Tais proposições implicam não apenas uma determinada forma de rearticular as relações entre formação geral e formação específica, mas, também, uma série de mudanças de porte no ensino médio, tendo em vista as novas demandas por qualificação profissional, cujos efeitos sobre a educação da juventude brasileira são objeto de preocupação. Palavras-chave: Formação profissional, qualificação profissional, transformações no trabalho, ensino técnico

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.