Frações Burguesas em Disputa e a Educação Superior no Governo Lula

Por: José Rodrigues.

Revista Brasileira de Educação - ANPED - v.12 - n.34 - 2007

Send to Kindle


Resumo

O artigo expõe analiticamente os interesses conflituosos, no Brasil, entre a burguesia industrial, representada pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), por um lado, e pela nova burguesia de serviços educacionais, representada pelo Fórum Nacional de Livre-Iniciativa na Educação, por outro lado, no que tange às finalidades e à organização da educação superior. A análise indica que as atuais transformações da educação superior brasileira são, em grande parte, determinadas pelos interesses do capital em converter a educação superior em uma mercadoria. Contudo, os interesses dessas duas frações da burguesia, com suas características específicas, não são imediatamente convergentes e, nesse sentido, terminam por desaguar no cenário do Estado, particularmente no Poder Executivo, no Governo de Luiz Inácio Lula da Silva, que, desde fins de 2004, vem implementando uma reforma da educação superior, cujo projeto de lei foi enviado ao Congresso Nacional em julho de 2006.

Endereço: http://www.scielo.br/pdf/rbedu/v12n34/a10v1234.pdf

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.