Fragmentação e Intersetorialidade nas Políticas Públicas de Esporte e Lazer

Por: , e .

Revista Brasileira de Estudos do Lazer - v.1 - n.1 - 2014

Send to Kindle


Resumo

O objetivo do artigo é discutir a fragmentação e a intersetorialidade nas políticas públicas de esporte e lazer no Brasil, a partir da produção científica da área. A pesquisa foi caracterizada como uma revisão de literatura da intersetorialidade das políticas públicas de esporte e lazer, com uma abordagem qualitativa. A coleta de dados foi realizada a partir dos periódicos científicos e do banco de teses da Capes que discutiram sobre a temática. Evidenciou-se que a intersetorialidade nas políticas públicas de esporte e lazer são incipientes e tem maior incidência nos discursos dos gestores e nos documentos públicos oficiais. Por fim, pode-se afirmar, a partir da produção científica, que as ações intersetoriais ainda são fragmentadas.
 

Endereço: https://seer.lcc.ufmg.br/index.php/rbel/article/view/335

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.