Futebol no Bom Jardim: Prática de Sociabilidade e Estratégia de Política Pública Social

Por: Tarcísio Arquimedes Araújo Carneiro.

2011 00/00/0000

Send to Kindle


Resumo

O futebol, desde o seu intenso processo de popularização na sociedade brasileira, encontra- se repleto de valores sociais. A apropriação por parte do Estado para realização de políticas públicas é um dos aspectos sociologicamente relevantes em relação ao universo das relações que perpassam o futebol no Brasil. Levando em consideração estes aspectos, esta pesquisa analisa as ações do projeto PELC (Programa Esporte e Lazer da Cidade), como uma política pública Implantada e gerenciada pela Secretaria Nacional de Desenvolvimento do Esporte e do Lazer, SNDEL, vinculada ao Ministério do Esporte. Em Fortaleza, esta política pública foi implementada pela Prefeitura, no bairro Bom Jardim, desde Agosto de 2009. O estudo busca compreender como este programa "dialoga" com as necessidades da comunidade. A partir de observações e análises, evidencia-se uma complexa teia de relações neste contexto envolvendo interesses e perspectivas, ora convergentes, ora divergentes entre os vários agentes, sejam os estatais, sejam os da própria comunidade, no modo de significar e ressignificar as ações do PELC. Emerge, dessa relação, um campo de tensões entre a construção dos próprios espaços de lazer (os campos de várzea), a prática do esporte em si e processos de afirmação e ou reprodução de lugares de poder, prestígio ou ganhos financeiros. Trabalhando com relatos orais e dados oficiais, a pesquisa possibilita romper com análises deterministas sobre o Estado, revelando, com isto, estratégias locais de "resistências" e rebatimentos à lógica de funcionamento das políticas governamentais em suas implicações locais.

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.