Futebol Como Simulacro: Tipp-kick, Um Jogo Alemão

Por: Elcio Loureiro Cornelsen.

FuLia - v.3 - n.3 - 2018

Send to Kindle


Resumo

Nossa contribuição visa a uma reflexão sobre um jogo em especial, o Tipp-Kick, criado na Alemanha, na década de 1920, como simulacro do futebol. Em termos teóricos, orientar-nos-emos pelas noções de “ludicidade”, “jogo” e “representação” propostas pelo historiador e linguista holandês Johan Huizinga, bem como pela noção de “simulacro”, conforme definida pelo sociólogo francês Roger Caillois.

Referências

CAILLOIS, Roger. Os jogos e os homens. Trad J. G. Palha. Lisboa: Cotovia, 1990.

CORNELSEN, Elcio Loureiro. O futebol e seus simulacros no reino da ludicidade – Subbuteo, História(s) do Sport, UFRJ, s/p, 18 dez. 2018.

CORNELSEN, Elcio Loureiro. Sentimento e política no futebol alemão – construções da “nação” em 1990 e 2006. História: Questões & Debates, Curitiba, n. 57, p. 73-99, jul./dez. 2012.

DER BALL IST ECKIG UND EIN SPIEL DAUERT 10 MINUTEN, s/p. Disponível em: https://dtkv.info/tipp-kick/spielregeln. Acesso em: 01 dez. 2018.

DIE WM RETTET TIPP-KICK. Disponível em: http://bit.ly/2YcfEeS. Acesso em: 01 dez. 2018.

DIEFENBACH, Ute. Tippse mit Knöpfchen. Die erste Tipp-Kick-Frau. Frankfurter Rundschau, 22 fev. 2010. Disponível em: http://bit.ly/2OfN3ki. Acesso em: 01 dez. 2018.

GOMES, Eduardo de Souza. Pebolim, Totó, Fla-Flu ou Pacau? Um breve histórico do campo esportivo no Brasil, s/p. Ludopédio, n. 115, v. 5, 07 jan. 2019.

HÖFER, Katrin; HESSE, Peter. Das groβe Tipp-Kick-Buch: Geschichte, Regeln, Technik, Zubehör, Anekdoten. Berlin: Humboldt, 2008.

HUIZINGA, Johan. Homo ludens: o jogo como elemento da cultura. 6ª. ed., trad. João Paulo Monteiro, São Paulo: Perspectiva, 2010. [estudos; 4]

MEINERT, Peer. Tipp-Kick: Kult aus Schwenningen. Schwäbische Zeitung, 27 apr 2018. Disponível em: http://bit.ly/2HMFsbH. Acesso em: 01 dez. 2018.

MEUNER, Daniel. Dante in Zink. Frankfurter Allgemeine Zeitung, 18 out. 2013. Disponível em: http://bit.ly/2TN657E. Acesso em: 01 dez. 2018.

ROLIM, Bruno. Futebol de Mesa: brincadeira que virou esporte. Jornal Comunicação, s/p, 28 fev. 2008. Disponível em: http://bit.ly/2OhwHHW; acesso em: 01 dez. 2018.

SEITH, Anne. Tipp-Kick-Kult: WM auf dem Küchentisch. Spiegel Online, 24 maio 2006. Disponível em: http://bit.ly/2HLRwKv. Acesso em: 01 dez. 2018.

SEPP HERBERGER, s/p. Disponível em: http://bit.ly/2TOvMF0. Acesso em: 01 dez. 2018.

TIPP-KICK SPIELREGELN, 01 ago. 2017, p. 2. Disponível em: http://bit.ly/2TQ8yy5. Acesso em: 01 dez. 2018.

TIPP-KICK WIRD WEIBLICH. Spiegel Online, 21 dez. 2009. Disponível em: http://bit.ly/2TTbl9Sl. Acesso em: 01 dez. 2018.

WINZER, Simon. Das professionelle Tipp-Kick: Ein Spiel im Spannungsfeld zwischen Hobby und sportlicher Anerkennung. Zürich: Open Publishing, 2012.

Endereço: http://www.periodicos.letras.ufmg.br/index.php/fulia/article/view/14767

Tags: ,

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.