Futebol, Nação e Representações: a Importância do Estilo Futebol-arte na Construção da Identidade Nacional

Por: , Filipe Fernandes Ribeiro Mostaro e Ronaldo George Helal.

História Unisinos - v.19 - n.3 - 2015

Send to Kindle


Resumo

Neste artigo, destacaremos a importância do futebol na construção da identidade nacional nos anos 1930. Nosso suposto estilo de jogo, o futebol-arte, foi construído em densas narrativas e cercado de disputas ideológicas de diferentes correntes sociais nos anos 1920 e 1930, que travavam um debate para definir uma nova ideologia e o que viria a ser a identidade nacional. Apresentaremos aqui o contexto que permitiu a abordagem da miscigenação como algo positivo, demarcando um importante momento da questão racial no Brasil, além de associar tal ideologia de maneira intensa com o futebol, principalmente durante a Copa do Mundo de 1938. Dentre os principais autores e ideias abordados neste artigo, estão, respectivamente, Gilberto Freyre e seu pensamento acerca da identidade nacional, e Serge Moscovici e sua contribuição aos estudos da representação social.

Endereço: http://revistas.unisinos.br/index.php/historia/article/view/htu.2015.193.01

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.