Game Terapia na Doença de Parkinson: Influência da Adição de Carga e Diferentes Níveis de Dificuldade Sobre a Amplitude de Movimento de Abdução de Ombro

Por: Camilla Zamfolini Hallal, Jadiane Dionisio, Laudiane Reis Santos, Lucas Resende Sousa e Sheila Bernardino Fenelon.

Revista Brasileira de Ciência & Movimento - v.25 - n.4 - 2017

Send to Kindle


Resumo

Introdução: A Doença de Parkinson (DP) manifesta sinais e sintomas que interferem na coordenação motora global e fina, força muscular, propriocepção, amplitude e velocidade do movimento, o que pode interferir nas atividades funcionais e, consequentemente, na qualidade de vida. Diante destas alterações funcionais, os jogos virtuais podem contribuir na recuperação das habilidades motoras. Sendo assim, o estudo teve como objetivo analisar a melhora da amplitude de movimento em abdução de ombro utilizando jogos eletrônicos em indivíduos com DP. Metodologia: Participaram do estudo 10 indivíduos, de ambos os sexos, faixa etária de 55 a 80 anos, com diagnóstico de doença de Parkinson idiopática, classificados nos estágios de I a III da escala de Hoehn Yahr. Os voluntários jogaram no Console X-Box com Kinect em diferentes níveis de jogo, com ou sem adição de carga em punho. Para análise dos dados, foram selecionados os momentos de maior amplitude de movimento de abdução de ombro em cada uma das condições de jogos propostas aos voluntários. Resultados: Não houve diferença significativa na amplitude de abdução de ombro em relação ao uso de carga durante os jogos, aos níveis de jogo, bem como entre os membros superiores direito e esquerdo. Conclusão: A adição de carga e os diferentes níveis de dificuldade dos jogos virtuais não promovem mudanças significativas na amplitude de movimento de abdução de ombro de pacientes com DP. Sugerimos que novos estudos sejam realizados, envolvendo a analise de um maior numero de ferramentas biomecânicas, bem como outras articulações e movimentos de grande impacto sobre a funcionalidade de membros superiores.

Endereço: https://portalrevistas.ucb.br/index.php/RBCM/article/view/6892

Tags:

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.