Gestão da Informação na Administração Pública: Avaliação do Sistema de Informação de Acompanhamento Pedagógico e Administrativo do Programa Segundo Tempo Sob a Perspectiva de Sua Retroalimentação

Por: Luciano Ferreira.

94 páginas. 2012 23/02/2012

Send to Kindle


Resumo

Com a criação do Ministério do Esporte, em 2003, o status do esporte no Brasil mudou e passou a receber tratamento como estrutura de Estado, com políticas próprias estabelecidas na esfera do Governo Federal. Nessa perspectiva, foram instituídos, entre outros, um Plano Nacional de Esportes (PNE) a Secretaria Nacional de Esporte Educacional (SNEED/ME), e o Programa Segundo Tempo (PST), meta presidencial, voltado para a inclusão social e com proposta de “democratizar o acesso à prática e à cultura do Esporte de forma a promover o desenvolvimento integral de crianças, adolescentes e jovens, como [...] ação da cidadania e melhoria da qualidade de vida [...] em áreas de vulnerabilidade social.” (BRASIL, 2009, s.n.). Na dinâmica das ações de funcionamento do PST em todo território nacional, em 2008, foi implantado o Sistema de Acompanhamento Pedagógico e Administrativo (SIAPA) em ambiente Web, que passou a acumular em suas bases de dados todos os registros inerentes à movimentação e controle dos processos do Programa. Embora o PST tenha exigido outros sistemas específicos e que juntos estabeleceram o crescimento da plataforma de gestão virtual do Programa, o SIAPA, no cerne desses processos, tornou-se referência para a avaliação da correspondente política pública através das metas estabelecidas no PNE. Entretanto, como ocorre com outros ambientes de gestão com suporte computacional, o PST, em época anterior à implantação do SIAPA, também empregou o uso empírico de planilhas nos processos de controle, estabelecendo obstáculos à cultura da Administração da Informação e ao uso dos potenciais da própria plataforma de gestão e avaliação do PST. Adicionalmente, o intenso uso do SIAPA na rotina do Programa, também parece obscurecer esses potenciais. O presente trabalho descreve os resultados de uma análise as formas então adotadas para gestão do PST – norteada por documentos e entrevistas com seus gestores - frente às perspectivas de recorrência às bases de dados do SIAPA e sistemas a ele integrados em sua plataforma para retroalimentação da gestão executiva do Programa sob pressupostos da Administração da Informação e da tecnologia de suporte. 

Endereço: http://www.bibliotecadigital.uel.br/document/?code=vtls000171540

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.