Gestão do Esporte no Brasil: Reflexões Sobre Avanços, Limites e Desafios

Por: .

92 páginas. 2016 31/08/2016

Send to Kindle


Resumo

A Gestão do Esporte é uma área de conhecimento recente no mundo e suscita reflexões sobre o seu desenvolvimento, que se dá de maneira mais evidente especialmente na Europa e nos estados Unidos. No Brasil, são escassas obras e outras publicações que avaliem seu desenvolvimento. No entanto, há o reconhecimento de que existe um crescimento, especialmente nas últimas décadas, em análises realizadas sobre alguns aspectos de seu desenvolvimento. O objetivo desse trabalho foi avaliar o desenvolvimento da área no País, a partir das seguintes questões: o desenvolvimento da área a partir de 2009 pode ser caracterizado como uma fase de amadurecimento em termos conceitual e científico no País? A formação oferecida no Brasil é um coadjuvante relevante nesse processo? O estudo foi desenvolvido através de levantamento exploratório e descritivo norteado por elementos do diagnóstico estratégico, em relação a aspectos relativos ao ambiente interno e externo da área e, a partir das informações obtidas, apontadas proposições e sugestões de ações para impulsionar seu desenvolvimento. Foram considerados como fatores externos (oportunidades e ameaças) fatos e cenários da realidade brasileira e como internos (potencialidades e fraquezas), os relativos a quatro aspectos da área no País: o desenvolvimento da literatura, daqueles que realizam pesquisa na área, das organizações que reúnem profissionais e acadêmicos que atuam para o seu desenvolvimento e a formação de profissionais. Informações quantitativas e qualitativas sobre cada um dos aspectos foram levantadas e analisadas utilizando-se como fontes material bibliográfico e dados coletados de fontes documentais. Foram identificados como pontos fortes os avanços quantitativos em termos de publicações de livros e revistas especializadas, do crescimento do número de grupos de estudos sobre a área, da criação e ações de entidade que reúne profissionais e do oferecimento de cursos de formação profissional. Como pontos fracos, destaca-se, entre outros a falta de clareza em relação a própria conceituação da área e o fato da produção científica e da formação estarem prioritariamente concentradas em uma temática. A partir dessas constatações, são apresentadas proposições para ações que poderão ser implementadas especialmente por agentes do meio acadêmico e da entidade nacional, no sentido de estimular e qualificar a produção científica e de literatura, ampliar o acesso e aperfeiçoar os processos de formação. Conclui-se que não é possível afirmar que há um desenvolvimento consistente da área e que a formação, da forma que se apresenta no País, não concorre para o seu fortalecimento e amadurecimento conceitual e científico. São apontadas ainda sugestões para estudos futuros para analisar aspectos não contemplados nesse estudo bem como o desenvolvimento futuro da área no País

Endereço: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/livredocencia/39/tde-17062019-123621/pt-br.php

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.