Grêmio: Nada Pode ser Maior

Por: Eduardo Bueno.

272 páginas. Ediouro. 2005

Send to Kindle


Sobre a Obra

Grêmio com chuva, lama e alma castelhana. Grêmio do primeiro jogo com neve na história do Brasil. Grêmio aos 44 e meio do segundo tempo. Grêmio cobrando tiro de meta como se fosse pênalti decisivo. Grêmio jogando com o regulamento debaixo do braço e o coração pulsando debaixo de distintivo. Grêmio perna-de-pau, bola na rede. Grêmio 0 x 0 com chuva: faixa no peito e taça no armário. Grêmio chegando junto - de preferência na bola, mas se tiver que ser na canela, faz parte do jogo, meu chapa. Grêmio do Prata, medalha de ouro. Grêmio em farrapos, nunca em frangalhos. Grêmio farroupilha enfrentando os imperiais. Grêmio altivo e imperial. Grêmio libertador da América. Grêmio guasca, guadério e changador. Grêmio mosqueteiro - um por todos, todos por um. Grêmio amarrando os cavalos do obelisco. Grêmio hepta, Grêmio tetra da Copa do Brasil, Grêmio bi do Brasileiro. Grêmio campeão do mundo. O Grêmio é tri legal!

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.