Identidades em Campo. Discursos Sobre a Atuação de Jogadores Interculturais de Origem Africana e Antilhana na Seleção Francesa de Futebol

Por: Anderson Ribeiro Oliva.

Revista de História - n.173 - 2015

Send to Kindle


Resumo

O texto tem como objetivo principal analisar parte dos discursos produzidos sobre a participação de atletas interculturais – de origem africana ou antilhana – na seleção francesa de futebol na última década. Partindo dos referenciais teóricos vinculados aos estudos africanos e pós-coloniais, e fruto de uma investigação de maior dimensão, buscamos analisar a forma como a sociedade francesa – com seus conjuntos populacionais híbridos e complexos – fomenta, interpreta e rejeita, a partir das imagens e ideias construídas sobre os imigrantes africanos/antilhanos e seus descendentes, o entendimento acerca de suas identidades e das relações interculturais e multiculturais geradas pelas diásporas pós-coloniais. Selecionamos, para uma reflexão inicial, notícias veiculadas pela imprensa francesa e europeia sobre a atuação de atletas interculturais na seleção francesa após o campeonato mundial da África do Sul, em 2010.

Endereço: http://www.revistas.usp.br/revhistoria/article/view/102038

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.