Impacto da Prática de Atividade Física no Estresse Percebido e Satisfação de Vida de Idosos

Por: José Roberto Andrade do Nascimento Junior, Júlia Bellini Capelari e .

Revista da Educação Física - UEM - v.23 - n.4 - 2012

Send to Kindle


Resumo

Este estudo investigou o impacto da prática de atividade física no nível de estresse o e satisfação de vida de idosos. Foram sujeitos 187 integrantes da Universidade Aberta a Terceira Idade de um município da região noroeste do Paraná. Como instrumentos foram utilizados a Escala de Estresse Percebido e a Escala para Avaliação de Atitudes em Relação à Velhice. Para análise dos dados, aplicou-se os testes Kolmogorov-Smirnov, Mann-Whitney, Correlação de Spearman, Qui-quadrado e Regressão de Poisson (p<0,05). Os resultados evidenciaram que os praticantes de atividade física apresentaram maior satisfação à velhice, e menor nível de estresse e sentimentos de perda em relação aos não praticantes (p=0,001); a prática de atividade física associou-se com todas as variáveis (p=0,001), indicando que tem impacto no estresse e na satisfação de vida. Concluiu-se: a atividade física é um elemento interveniente na percepção do estresse e na satisfação de vida, auxiliando no envelhecimento saudável.

Endereço: http://periodicos.uem.br/ojs/index.php/RevEducFis/article/view/16934/11092

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.