Impáctos de Atividades Aquaticas na Coordenação Corporal de Adolescentes com Deficiência Intelectual

Por: Marília Naves Rodrigues e Solange Rodovalho Lima.

XVIII Congresso Brasileiro de Ciências do Esporte e V Conice - CONBRACE

Send to Kindle


Resumo

Este estudo objetivou analisar as contribuições de um programa de atividades motoras em meio aquático na coordenação corporal de adolescentes com deficiência intelectual. Os participantes com idade entre doze e quinze anos, durante quatro meses realizaram atividades motoras em meio aquático. Antes, durante e após a intervenção a coordenação corporal deles foi avaliada com o teste KTK. A análise estatística foi realizada por meio do teste não paramétrico de Wilcoxon e a significância assumida foi de 0,05. Usou-se o software minitab 16. Os resultados mostraram melhoras nas quatro tarefas do teste, mas sem evolução estatisticamente significativa na coordenação corporal geral, pois o quociente motor total de cada adolescente ficou muito abaixo do esperado para a idade cronológica.

Endereço: http://cbce.tempsite.ws/congressos/index.php/conbrace2013/5conice/paper/view/5377

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.